Cartão de Visita

Cartão de Visita

Oi Galera do Mxstudio!
O cartão de visita é a chave pro seu reconhecimento, não só ele é claro, mas como muitos outros meios.
Temos de uma forma clara e objetiva o que somos.

Para isso temos que tomar cuidado com alguns detalhes:
- ter primeiramente noção da importância de um cartão de visitas;
- quando utilizá-lo;
- criar formatos diferentes, que chamem a atenção mas nada extravagante;
- usar uma tipologia adequada com a personalidade ou sentido que o cartão representa;
- o sentido de leitura (nós ocidentais costumamos ter o sentido da leitura da esquerda pra direita de cima para baixo);

- tamanho do corpo e espaçamento das letras;
- distribuição e aproveitamento do papel, mas tome cuidado pra não deixar uma poluição visual.

O formato padrão para um cartão de visita é de “9,5cm x 5,5cm”, claro que nada impede de ser um tamanho diferente, mas tome cuidado com exageros.
O sentido do cartão normalmente é horizontal, porém o sentido vertical é bem interessante também pois causa uma impressão de imposição.
O verso fica a critério de cada um, mas não se esqueçam que quanto mais detalhes maior fica o preço.

Logo adiante deixarei algumas dicas importantes e mostrarei como fazer um cartão de visitas no freehand!

Abra um novo arquivo em File > New. Antes de qualquer coisa vamos mudar a unidade de medida do documento para centímetros. Vá em Window > Toolbars > Info, agora onde está indicado na imagem mude a unidade de medida para ?centimeters?.

Selecione a ferramenta Rectangle

Tire a marcação de “Uniform” e altere os valores como está indicado na imagem.

Agora crie um retângulo com 9,5cm x 1,0cm, coloque ele sobre a base do retângulo, desagrupe-o (Ctrl + Shift + G) e vá editando os pontos, de modo que fique como na imagem.

Tire o contorno do retângulo e escolha uma cor pra ele, logo na esquerda coloquei o logo da empresa, costumo usar a maioria dos logos na esquerda porque é o primeiro lugar que as pessoas olham (na minha opinião).

Agora com a ferramenta Mirror

Depois de duplicado adicionei uma cor ao verso e textos no cartão. Já está pronto, bem simples, limpo e com um bom entendimento.

Agora vou mostrar um extra pra quem quer fazer esses cartões em casa. Normalmente quando mandamos pra gráfica o arquivo fechado de freehand ele já cria as linhas de corte sozinho, mas pra fazer em casa é muito mais fácil você mesmo criar a linha de corte e depois usar um estilete para cortar a folha. Abra um novo arquivo, copie o cartão pronto e cole no novo arquivo, coloque-o bem no topo da página, vá copiando e colando um abaixo do outro (em um A4 couberam 5 cópias deste cartão). Crie uma linha de 0,5 cm selecione ela e o primeiro cartão (parte da frente) e na janela de alinhamento coloque como mostra na imagem 01 (onde align left é para alinhar esta linha bem á esquerda do objeto selecionado), faça o mesmo processo mas agora como na imagem 02 (onde align right é para alinhar esta linha bem á direita do objeto selecionado). Faça esse processo de todas as laterais com as linhas verticais, tanto na parte de cima como na base, você pode clonar a de cima e descer na mesma linha pra base que assim poupa um pouco de tempo e trabalho.

O mesmo processo com as linhas de corte verticais, faremos com as horizontais como nas imagens abaixo (onde align bottom é para alinhar esta linha bem á base do objeto selecionado e align top bem ao topo).

10º O documento ficará assim:

Este cartão tem bordas arredondadas talvez fique muito difícil para se cortar em casa, pode optar por fazer um reto mas com um layout legal, em casa também procure colocar a frente do cartão em uma folha e o verso em outra, porque desta maneira que mostrei teria que coar a frente no verso e não fica legal, isso só funciona mesmo em gráfica, mas volto a falar, converse antes com a gráfica pra ver que determinado serviço eles têm pra te oferecer. Se você for usar aquelas folhas de cartões quem já vem pra imprimir e depois é só picotar, a dica é que você pegue todas as medidas exatas desta folha passe pra um arquivo novo e crie o cartão já do tamanho que tem na folha, faça várias cópias e imprima uma folha de teste, para ver se realmente estão todas as medidas corretas, e depois é só mandar ver.

>
Algumas outras dicas que dou também:
- procure não usar imagens apenas o logo, pois pode poluir demais o cartão;
- não exemplificar serviços que você faz, apenas colocar tua profissão, pois o cartão é para teu contato e não pra dizer tudo o que você pode fazer, pra saber isso já tem seu telefone ali, e a pessoa te liga perguntando;
- colocar os contatos mais importantes.

Por hoje é só galera, espero que tenham gostado.

Thaís Oliveira – Colunista e Moderadora de Freehand do MxStudio

Qualquer dúvida ou sugestão para novas colunas escrevam em nosso fórum.

Escrito por thaisoliveira on maio 1, 2005. Arquivado em Freehand. Você pode seguir as respostas a esse artigo pelo RSS 2.0. Você pode deixar respostas para esse artigo

7 respostas a Cartão de Visita

  1. Olá Tais…gostei das dicas. Mas gostaria que alguém me falasse como se usa o Corel x2 ou x3 para fazer cartões de visitas afim de enviar à grafica e eles fazerem o milheiro sem reclamação disso ou daquilo…Poderia alguém me ajudar?
    Obrigado!

  2. Obrigado estou a tirara estagio e deu muito jeito

  3. vc quert aprender corel para faser cartão ou vc que imprimir os carto~es no corel?

  4. abra o corel draw configure o tamnaho para 9,5cm x 1,0cm, e coloque uma imagen no mesmo tamanho e va montando o conteudo que vc desehar

  5. Valeu pela dica do cartão, muito útil.

  6. Muito obrigado pelas dicas galera vocês me ajudaram muito parabéns pelo artigo ele é muito bem detalhado muito bem especificado se alguém tiver dúvida é só acessar o mx studio que vai tirar todas as dúvodas sobre cartão de visitas.
    PARABÉNS PELO SITE !!!!!!!
    :)

  7. opção do corel de impressão de cartão dilui suas dicas, ja que ele ja faz isso para vc, as linhas de corte

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>